Sleepless, long nights… that was what my youth was for*

15out08

Realmente, meus dias são basicamente assim. Começo um milhão de coisas e não termino nenhuma.

Aí, são 6:53 da manhã de uma quarta-feira e a pessoa já está no trabalho, em frente ao computador. Depois do almoço vou ter um sono insuportável. E é bem na parte do dia que as demandas aumentam e os prazos encurtam. Estarei contando os segundos até poder ir embora para casa e poder dormir. Quando chegar em casa o sono vai ter evaporado. O que fazer até o sono resolver dar as caras de novo? Abrir o notebook e alimentar minha cultura inútil. Vou estar tão entretida na vagabundice que nem vou perceber que já passam das 2 da manhã. Só que a insônia não permite dormir o sono dos justos. Aí eu desisto de lutar com o travesseiro, me dou por vencida e levanto às 5 da manhã, hora em que o sono resolve dar uma de prankster. Só que é melhor continuar acordada do que dormir por 60 minutos e acordar com a maldita mãe do Supla falando asneira no rádio, coisa que vai me deixar mais irritada o dia todo do que o fato de ter dormido pouco.

Do Piled Higher and Deeper.

*1 2 3 4, Feist



3 Responses to “Sleepless, long nights… that was what my youth was for*”

  1. 1 Vi

    Gente, o que está acontecendo com o sono do mundo?
    Eu também ando assim e umas cinco pessoas já comentaram isso comigo.

  2. Eu também fico podre se dormir só uma horinha >.<

  3. Vi, qualquer semelhança com a minha realidade não é mera coincidência.
    Precisamos de dias mais longos. Já! Será que algum candidato escreveu isso em seu plano de governo?
    Por enquanto, durmo perto das duas pra acordar perto das seis.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: