Tell my parents that I fought well today

04mar08

Todo esse bafafá entre Colômbia, Equador e Venezuela e um mundo de desesperados já elaborando planos de evacuação, estocagem de água e comida, construção de abrigos nucleares, compra de armamento pesado me lembrou de uma discussão sobre alistamento militar.

Há algum tempo, Manu, Foschini e eu estávamos jantando no Mc quando, não sei por que motivo, surgiu o assunto de alistamento. Só lembro que ouvi a Foshini dizendo algo como “zicada do jeito que sou, se o Brasil for pra guerra, alistamento feminino vai ser obrigatório”.

Óbvio que eu perdi metade da lógica da conversa e entrei em desepero. “Como assim?! Eu tinha que me alistar? Putz! Eu não fiz! Até quando eu posso fazer? Mas eu não quero ir pra guerra!”. Já estava apavorada com a imagem de um sargento do exército batendo na porta de casa para me levar para a cadeia, acusada de despatriotismo.

Desnecessário dizer que as duas, depois de alimentarem meu pavor, não param de rir.

Título: citação, Black Hawk Down



One Response to “Tell my parents that I fought well today”

  1. Menina, deve ter sido muito engraçado, tu desesperada por causa dos milicos rsrsrs. Agora tu sabe o que nós hombres passamos. Abraços.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: